top of page

Espiritualidade Vs. Religião

Desde os primórdios da humanidade, existem inúmeras religiões. Alguns adoram a natureza, alguns adoram milagres e o resto adora os profetas e seus livros sagrados. Desde o início da fé, a humanidade vem lutando a guerra de crenças, nomeando-as uma guerra santa. Milhões morreram nessas batalhas, e parece que eles não vão parar tão cedo.

Muitas vezes ouvimos o termo extremismo religioso, mas nunca ouvimos a frase extremismo espiritual. Por que isso? Por que mais e mais pessoas estão indo atrás da espiritualidade em vez da religião? Neste texto, exploro a diferença entre religião e espiritualidade.


Como você define uma religião?

Um sistema sociocultural de crenças religiosas que adora a Deus e os Deuses e segue atividades muito específicas relacionadas a ele pode ser chamado de religião. As religiões definem seu próprio conjunto de regras, ética, pontos de vista, textos, lugares e profecias.

A religião pode ser classificada em cinco categorias principais. Eles são:

Totemismo: A religião que segue uma conexão sagrada entre os seres humanos e a natureza é chamada de totemismo.

Animismo: A religião que adora seres não humanos, como plantas, animais e natureza, é chamada de animistas.

Ateísmo: A ausência de crença de que qualquer divindade existe é chamada de ateísmo, e os seguidores do ateísmo são chamados de ateus.

Monoteísmo: Poucas religiões acreditam que há apenas um Deus, e essa religião é chamada de monoteísmo.

Politeísmo: Muitas culturas acreditam em múltiplos Deuses, e sua religião é categorizada como politeísmo.


Como você define a espiritualidade?

A espiritualidade tem um amplo espectro. Você o encontrará nas religiões e o encontrará além das religiões. A espiritualidade acredita que há muito mais na vida do que ela aparenta, que é governada por diferentes energias. A espiritualidade pode ser definida como uma habilidade de um ser que gira em torno de um espírito ou alma humana, que vai muito além das coisas materialistas ou físicas.

A espiritualidade tem vários tipos. Quando a espiritualidade gira em torno da parte intuicional da alma, é chamada de espiritualidade mística.

Quando a espiritualidade está vinculada a um conjunto específico de regras e hierarquia, é chamada de espiritualidade autoritária.

Quando a ideia central da espiritualidade é o conhecimento, ela se torna espiritualidade intelectual.

Quando as pessoas experimentam satisfação espiritual em servir aos outros, isso é chamado de espiritualidade de serviço.

Estar em um grupo religioso é uma maneira de experimentar alguns encontros espirituais. Quando um buscador experimenta um despertar espiritual enquanto está cercado por pessoas que pensam da mesma forma, isso é chamado de espiritualidade social.

Não vinculada ao conjunto específico de regras, a espiritualidade permite que um indivíduo experimente coisas diferentes. Eles podem tentar orações, meditação, ioga, se conectar com a natureza ou alcançar um serviço e decidir qual funciona melhor para eles.


O que torna uma religião separada da espiritualidade?

Regras: A religião tem uma ideologia específica, um conjunto de regras que os seguidores têm que obedecer. Muitas religiões têm códigos éticos e morais rigorosos que são aprovados como parte das tradições. A espiritualidade é diferente. É sobre seguir suas tendências, inclinações e coração. A espiritualidade nos encoraja a explorar, ver, ouvir e experimentar muitas práticas sem nenhuma proibição. Isso não apenas o liberta, mas também o torna uma boa pessoa, apesar de não haver promessa de recompensa ou punição.

Medo: A religião é como uma relação de amor e ódio que tem um tremendo potencial para mudar vidas. O amor pela divindade e a ansiedade sobre as consequências de suas decisões e ações são dois princípios básicos por trás de cada religião. Diz-se que a religião tem preocupações negativas e positivas para seus seguidores. Várias religiões usaram medos diferentes, como o juízo final, a morte ou o que acontecerá com você na vida após a morte.

Por outro lado, a espiritualidade tem tudo a ver com amar a si mesmo e ao mundo. A espiritualidade incentiva você a concentrar sua energia apenas no bem e agir por amor. Decisões feitas por amor sempre têm maior significado do que aquelas feitas por medo.

Verdade: Religião é como ler um livro. Outra pessoa fez um esforço para criá-lo, e tudo o que você precisa fazer é sentar, relaxar e aproveitar. A religião te diz a verdade; outra pessoa já percebeu. Tudo o que você precisa é seguir o caminho sugerido para alcançá-lo.

Por outro lado, a espiritualidade está chegando com o seu livro. Você tem que experimentar e contemplar cada vitória e perda, encontrando uma resposta para cada pergunta, sozinho. Isso o capacita a buscar sua verdade sobre a vida sem limitações sobre quanta profundidade você pode ir para entender este universo.

Ação e resultados: A religião geralmente fala sobre recompensas e punições divinas. Mesmo que muito bem tenha sido alcançado devido a ambos, os humanistas acreditam que o fundamento moral da religião está profundamente enraizado no interesse próprio. Por outro lado, a espiritualidade acredita no Carma, onde a intenção e as ações de um indivíduo influenciam o futuro desse indivíduo. Diz-se que a energia sutil criada por suas ações é armazenada para sempre. Quando alguém faz ações ou escolhas específicas, baseadas não em recompensas e punições, mas fazendo escolhas conscientes, perdão, gratidão e o bem coletivo, ele está no caminho da Divindade.

Escolha: A religião é como uma estrada. Você sabe exatamente para onde está indo. Você conhece seus pontos de descanso, onde pode encontrar mecânicos e a quem pode pedir ajuda. A religião tem uma verdade, mas também é uma estrada de alto tráfego.

Por outro lado, a espiritualidade é sobre esculpir seu caminho desconhecido. Quase todas as religiões têm seu início na espiritualidade. Um profeta, líder ou narrador de livros teve uma experiência espiritual antes de estabelecer sua religião. A espiritualidade encoraja um buscador a confiar em seu coração e segui-lo aonde quer que ele leve. Isso nos lembra que não estamos separados e vinculados pela energia singular da existência.

A espiritualidade vem com muitos dons. Positividade, maior consciência, maior empatia, mente robusta, personalidade estável e capacidade de lidar com a pressão são alguns deles. Mas, por outro lado, não é aceito no nível mainstream da sociedade. Certamente prova sua paciência e muitas vezes cria dúvidas sobre si mesmo. Muitas práticas espirituais diferentes muitas vezes podem se cruzar umas com as outras, criando confusão no buscador.

A religião é conhecida por criar muitos problemas no mundo, já que o fundamentalista a usou indevidamente. Pode levar à discriminação, suprimir a liberdade individual, contradizer a ciência e afirma saber demais. A religião é conhecida por tirar a responsabilidade do indivíduo, pode retardar o progresso tecnológico e muitas vezes se opor duramente às outras religiões, geralmente terminando em um conflito, matando muitos.

Por outro lado, a religião organizada ajudou milhões de pessoas em todo o mundo. Isso os ajuda durante os tempos difíceis e os ajuda a encontrar um sentido na vida. Para muitos deles, a fé lhes deu uma razão para se levantar todas as manhãs de suas camas, e muitos deles encontraram uma âncora de estabilidade em sua religião. Isso dá às pessoas a oportunidade de socializar e confiar na vida após a morte. A religião também é conhecida por promover valores razoáveis, e a arte floresce com a religião.


Como escolher entre religião e espiritualidade?

A religião tem uma estrutura específica e um conjunto de regras vinculadas à hierarquia. A espiritualidade é muito fluida e aberta para experimentar. Se você é alguém que prospera em um sistema bem definido, você deve ir para a religião. Se você é um indivíduo criativo que gosta de experimentar e fazer você mesmo, pode pensar em entrar na espiritualidade. Depende inteiramente de qual seguir, pois ambos têm suas vantagens e desvantagens, conforme discutido acima.

Espero que você tenha adquirido alguma visão sobre a diferença entre religião e espiritualidade.


Vanessa Bonafini - Terapeuta Holística


Posts recentes

Ver tudo

Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación
bottom of page