top of page

O que eu gostaria de saber quando a quimioterapia começou


Chemo.therapy treatment infusion

Como diz o ditado, A visão é 20/20 . Quando terminei a quimioterapia em novembro de 2011, sabia muito mais do que quando entrei na minha primeira infusão três  meses antes. Eu havia aprendido coisas sobre mim e sobre o câncer que nunca esperava aprender. Porque é claro, no começo eu não sabia o que não sabia.

Agora que olho para trás, eis algumas coisas que eu gostaria de saber quando comecei a quimioterapia:


Não se apegue a nenhum resultado ou prognóstico de teste.

Os casos de câncer tendem a mudar. Os médicos podem fornecer um prognóstico e um plano de tratamento após a primeira imagem ou biópsia, mas depois alterar o prognóstico ou o tratamento após obter mais informações sobre o câncer após testes adicionais a quimioterapia precisaria ser adicionada ao plano de tratamento. Olhando para trás, o que eu via na época como “isca e troca” era simplesmente profissionais médicos respondendo a novas informações. É assim que às vezes os remédios progridem Espere.


Não se assuste com histórias de horror de quimioterapia. Cada experiência de quimioterapia é única.

Primeiro, saí por causa das cenas de quimioterapia que vi nos filmes. Enquanto eles discutiam seu sofrimento medo e efeitos colaterais tive certeza de que minha experiência na quimioterapia seria exatamente  como nos filmes.

Não foi. A experiência de quimioterapia de todos é completamente diferente, coisas diferentes e não tão divertidas aconteceram comigo que podem ou não acontecer com você . Lembre-se de que cada corpo reage de maneira diferente a determinados medicamentos. A melhor coisa a fazer é se preparar para o pior esperando sempre o melhor.

Não planeje sua resposta de quimioterapia até que você tenha feito sua primeira infusão.

Minha reação a um diagnóstico de câncer foi grudar na minha família. Ao dirigir para minha primeira infusão me senti armada com informações para vencer a quimioterapia. Eu planejei tudo meticulosamente e determinei que ela não venceria em momento algum.

Eu tinha certeza de que ficaria ruim imediatamente, como disse mal sabia sobre quimioterapia. Em vez disso, voltei para casa da quimioterapia e jantei com a minha família, no segundo dia me senti cansada e no terceiro dia me senti completamente doente e sem forças para sai da cama. Isso durou 3 dias. Então gradualmente fiquei melhor. Quando me senti quase normal novamente estava na hora da próxima infusão.

Eu esperava vomitar o tempo todo mas isso também  não aconteceu. Meu pensamento ficou tão confuso que mal consegui ler um livro. Imaginei que acabaria no hospital em algum momento durante o tratamento mas não aconteceu, não porque meu médico não quis internar em um momento que eu estava desnutrida, mas sim porque eu prometi para ele que estaria melhor após o fim de semana.

O padrão de todos é um pouco diferente. Espere para ver qual é o seu antes de fazer muitos planos, mas lembre-se você pode vencer essa jornada.

Os efeitos da quimioterapia são cumulativos. Eles pioram a cada ciclo.

Meus médicos me avisaram, cada infusão ficará mais difícil. A cada ciclo espere sentir-se mais fraco isso faz parte do tratamento.

Eu os ouvi dizer isso, mas acho que não acreditei muito.

E fui percebendo aos poucos a exaustão  a cada nova infusão , eu me sentia atropelada por um caminhão . Você pode aprender lições diferentes ao passar pela quimioterapia afinal sua jornada será exclusivamente sua. Mas espero que as lições que aprendi sejam de alguma ajuda apenas para lembrá-lo de que você não pode ter todas as respostas no início do tratamento. Você aprenderá à medida que avança e um dia terá suas próprias lições para compartilhar mas espero do fundo do coração que você não precise dessa experiência.

Vanessa Bonafini

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page