top of page

10 Alimentos Para Alimentar Sua Mente



Como comer para fortalecer sua mente


Ovos


As gemas dos ovos são ricas em colina, que é um precursor da acetilcolina, um neurotransmissor essencial para a memória e a função cerebral. Isso os torna um ótimo alimento para ajudar a proteger sua mente do processo de envelhecimento. Eles também são uma boa fonte de vitamina B12 (que é difícil de encontrar em alimentos vegetais), bem como de vitamina B2 e selênio. Os ovos são uma fonte natural de fosfolipídios, nutrientes que nutrem o cérebro e os nervos.


Aipo, pimenta e cenoura


Aipo, pimentão e cenoura são ricos em luteolina, que ajuda a fortalecer a memória. Estudos demonstraram que esse flavonóide pode reduzir a inflamação no cérebro e ter efeito protetor contra a neurodegeneração. É uma pesquisa inicial, mas aumentar a ingestão de vegetais também traz muitos outros benefícios à saúde, então coma.


Espinafre


O espinafre é uma boa fonte de ácido fólico e vitamina C, ambos necessários para a produção de neurotransmissores (substâncias que transmitem sinais nervosos) no cérebro. Como outros vegetais verdes, também é fonte de clorofila, que pode favorecer a absorção de ferro e promover o crescimento de glóbulos vermelhos para melhorar o transporte de oxigênio pelo corpo e para a mente. O ferro também é importante para fortalecer o cérebro. A deficiência de ferro tem sido associada a uma função cognitiva deficiente, por isso é vital consumi-lo em quantidade suficiente na sua dieta, embale o seu prato com carne vermelha, peixe e vegetais de folhas verdes escuras.


Amêndoas


Comer 10 amêndoas por dia pode fazer muito bem à sua saúde, bem como aos seus níveis de concentração e ao seu humor. Eles contêm riboflavina, que não só estimula a atividade cerebral, mas também pode reduzir o risco de doenças como o Alzheimer. As amêndoas são uma fonte de fenilalanina, que é instantaneamente absorvida pelo corpo e atua na produção de adrenalina e dopamina. Esses dois hormônios nos deixam relaxados, aumentando o estado de alerta e os reflexos e melhorando a memória.


Peixe oleoso


Todos nós já ouvimos falar que o peixe é um ótimo alimento para a mente e há uma razão para isso. Quase 60% do nosso cérebro é composto de gordura, e cerca de metade disso são ácidos graxos ômega 3 DHA, que realmente só podem ser encontrados em peixes. Estas são conhecidas como gorduras essenciais, porque o nosso corpo não consegue produzi-las, por isso temos que obtê-las através de alimentos ou suplementos. Eles são necessários para que nossas células cerebrais captem nossos neurotransmissores, como a serotonina, para que possam ser utilizados de forma eficiente. É particularmente importante aumentar a ingestão de peixe à medida que envelhecemos. Os níveis de DHA no cérebro diminuem com a idade e quantidades mais baixas têm sido associadas ao declínio da memória. Espécies de água fria como cavala, arenque, salmão e atum têm os níveis mais elevados de ácidos graxos ômega 3 e contribuem com a maior quantidade de DHA para sua dieta.


Sementes de abóbora


Comer um punhado de sementes de abóbora todos os dias fornecerá os níveis diários recomendados de zinco, o que é vital para aumentar sua capacidade intelectual, melhorando a memória e o foco. Essas sementes estão repletas de nutrientes que sua mente vai adorar, como proteínas, aminoácidos, minerais, vitaminas e carboidratos complexos. Faça um lanche no meio da manhã ou no final da tarde para afastar a fome e dar um impulso ao seu cérebro. Estas potências nutricionais também contêm cobre, que está ligado a uma melhor aprendizagem e recordação.


Chocolate escuro


Beber cacau no meio do dia ou ter à mão uma barra de chocolate amargo 85% para fazer um lanche é uma boa maneira de aumentar seu estado de alerta e concentração, conforme comprovado por um estudo da Northern Arizona University. Essa delícia produz endorfinas e serotonina, que atuam para melhorar a memória. É também uma boa fonte de antioxidantes e minerais como potássio e magnésio, que contribuem para controlar a pressão arterial. Embora o chocolate amargo tenha menos açúcar e gordura do que outras variedades, você ainda deve estar atento às calorias e não exagerar.


Nozes


As nozes não se parece apenas com um cérebro, graças às suas dobras e rugas distintas, mas também é benéfica para o órgão. As nozes são ricas em ácidos graxos poliinsaturados ômega 6 e ômega 3. Esses componentes de nossas membranas celulares constituem uma parte significativa da massa cinzenta do cérebro. São também uma boa fonte de magnésio, que desempenha um papel importante no funcionamento saudável do nosso sistema nervoso.


Brócolis


Encha o seu prato com estes vegetais crucíferos. O brócolis é uma boa fonte de vitamina K, essencial para a formação de esfingolipídios. Este é um certo tipo de gordura que se acumula nas células cerebrais. O brócolis também contém sulfurofano, que remove toxinas do corpo e reduz a inflamação.” Os suplementos de algas também têm um efeito semelhante. A spirulina e a chlorella ligam-se a metais pesados, melhorando a função cerebral, e descobriu-se que a chlorella previne o declínio cognitivo em adultos mais velhos.


Sementes de linhaça


As sementes de linhaça contêm ALA (ácido alfa linoléico), uma gordura saudável que melhora a função do córtex cerebral, uma área do cérebro associada às habilidades motoras e à consciência espacial. Experimente adicionar uma colher de (sopa) aos seus smoothies ou misturar um punhado no iogurte. Esses não são os únicos benefícios destas sementes, elas também são uma boa fonte vegetariana de ômega 3.








6 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page